terça-feira, 25 de outubro de 2011

Haloterapia - Terapia que utiliza o sal para curar as doenças respiratórias



Quem tem doenças respiratórias sabe o quanto é desconfortável conviver com os sintomas de alergias e infecções. No desespero de uma cura, procura-se tratamentos em terapias alternativas como homeopatia, naturopatia, yoga, acupuntura, pilates etc. E agora um spa australiano passou a oferecer uma nova opção: a terapia de sal, que, segundo divulgou o site Body+Soul, trata problemas respiratórios, eczema, dermatites e psoríase.

O spa Bondi, localizado em Sydney informou que o sal possui propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias, além de ser uma boa fonte de íons negativos. Durante o tratamento, o paciente fica em uma sala confortável e com música suave, cujas paredes foram feitas com tijolos de sal marinho. Um gerador joga micropartículas de sal no ar e elas penetram no pulmão, ajudando a matar bactérias, combater infecções e melhorar a respiração dos asmáticos. Cada sessão dura 45 minutos e os clientes podem ainda adquirir inaladores de sal no local.

História da haloterapia

- Na Europa, a terapia de sal começou a ganhar popularidade no século XIX. Os industriais de sal na Polónia observaram que nenhum dos seus mineiros sofria de doenças pulmonares – ou doenças relacionadas, por exemplo pneumonia ou asma.

- Foi então que o primeiro centro subterrâneo de cura se estabeleceu na Polónia, Velicko, para curar as doenças acima mencionadas, especialmente a asma. O poder de cura do sal foi observado igualmente no fim da segunda guerra mundial, nos abrigos debaixo da terra.

- Muitos sanatórios para asmáticos foram abertos em cavernas de sal naturais alemãs, suíças, húngaras, búlgaras e jugoslavas.

- A investigação científica sobre a eficácia do sal começou em 1968, sendo oficialmente aprovada, isto aconteceu no hospital de doenças alérgicas na cidade de Solotvino, Ucrânia ocidental, onde o tratamento e a pesquisa foram realizados à volta do sal.

- Na antiga União Soviética, os investigadores juntaram-se para desenvolver terapias físicas a fim de evitar os custos e os efeitos secundários das terapias que usam medicamentos.

- Assim, devido aos resultados das pesquisas, foi estabelecido o novo método de tratamento eficaz para a asma que se baseia num gabinete especial, construído com sal, onde o aerossol de sal é dispersado constantemente no ar para que os pacientes o respirem.

- A haloterapia começa a ser cada vez mais utilizada em termas e spas, ela cria uma atmosfera relaxante, suave e confortável para os clientes, para o seu bem-estar, ao mesmo tempo que cuida das suas necessidades terapêuticas, pois é um dos métodos mais eficazes para prevenir, tratar e reabilitar doenças respiratórias, de pele, alérgicas, e está também indicada para fumadores.

- O aerossol seco natural do cloreto de sódio (sal) é considerado ser o fator curativo principal deste microclima. Os gabinetes de haloterapia reproduzem este ambiente natural da caverna de sal.

- Os clientes sentam-se em cadeiras de sala de estar num gabinete que se assemelha a uma caverna de sal. Existem gabinetes de sal de diferentes tamanhos. As paredes, o teto e o soalho do gabinete de sal são cobertos com pelo menos quatro camadas de sal.

- Este sal está seco e tem aproximadamente 1-15 cm de profundidade. São necessários entre 1000-5000 kg de sal limpo e de rocha branca de NaCl. O gabinete de sal prefigura um espaço seco, estéril e hermético nos tamanhos que variam de 2-30 m2.

- Dentro do gabinete de sal, os clientes podem experimentar as seguintes circunstâncias:

• Humidade de 40-50%

• Temperatura de 20-24C

• Concentração do aerossol de 0.5-15 mg/m3. O aerossol de sal consiste em partículas de sal nos tamanhos do mkm 1-5. As partículas carregadas de energia cinética sucedem imediatamente depois de se esmagar os cristais de sal no moedor.

• Silêncio. Os clientes sentam-se em posições relaxadas sobre as cadeiras de plataforma confortáveis. A música calma é difundida adicionando para ajudar o paciente a relaxar.


É recomendada para:

• Infecções virais, tosses e constipações frequentes
• Asma
• Doenças otorrinolaringológicas crónicas (orelha-nariz-garganta)
• Bronquite
• Infecções frequentes do ouvido
• Problemas de pele, causada por alergias
• Eczema e dermatite
• Psoríase
• Esforço, instabilidade nervosa, ansiedade
• Insónia
• Dores e artrite comum

Não é recomendada para:

• Infecções, acompanhadas da febre
• Cancro
• Tuberculose
• Insuficiência cardíaca
. Doenças de hipertensão

A sessão de tratamento de sal comum dura aproximadamente 20-40 minutos. Deve ser diário e repetido durante 10 dias. Recomenda-se repetir o tratamento 2-3 vezes num ano.

6 comentários:

  1. Prezado William
    Vão ser inauguradas no mês de setembro de 2012 duas salas de sal(Haloterapia). Fique atento.
    Salas de sal já existem no Brasil. Os representantes são de Porto Alegre e já existem duas funcionando. Uma em Porto Alegre e outra em Campinas. As próximas esta sendo inaugurada logo em Brasília

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito obrigado, se poder me informar quando é a inauguração te agradeço

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. A Salus Naturalis mudou de endereço para melhor atender aos seus pacientes. Agora está localizada no coração do Setor Hospitalar Sul no moderno Centro Clínico Advance loja 106 que fica na 915 sul, atrás da LBV e na rua do Conselho Federal de Medicina. Estamos esperando por vocês! Fones 3257 3232 e 3879 3232.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails