sábado, 29 de abril de 2017

Massagem relaxante

O que é?

A massagem relaxante é capaz de proporcionar uma sensação 
de bem estar e tranquilidade, diminui a ansiedade, além de 
melhorar a circulação sanguínea e sistema imune.
Isso acontece porque ela é capaz de aumentar a produção
 de hormônios como endorfina e ocitocina, que são capazes
 de diminuir o estresse (reação do organismo à situações de 
risco e pressão).

Como é?
Esse tipo de massagem pode ser feito apenas com o movimento
 das mãos ou com a ajuda de alguns objetos como bolinhas
 e pedras.
Os movimentos são feitos com a intenção de proporcionar
 o relaxamento muscular e podem ser feitos no corpo todo.
 A estimulação do sistema intestinal também é feita, bem como
 a eliminação de toxinas e resíduos metabólicos.

Para quem é?

Para todas as pessoas que sentirem que precisam de um 

momento de alívio na rotina acelerada e estressante. 

Também é recomendada para pessoas que forem de 

insônia e hipertensão.

A massagem relaxante é um procedimento que promove muito
 bem estar e qualidade de vida para os pacientes e dá a 
paciência necessária para o corpo e a mente enfrentarem o
 estresse do dia a dia.

Cuidados

A massagem relaxante não necessita de nenhum cuidado 
especial depois do procedimento.

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Massagem e a história



A massagem e a humanidade surgiram praticamente juntas, usada no Oriente há milhares de anos, existem pinturas de murais, túmulos e cerâmicas com registros do uso das técnicas de massagem na China, Japão, Egito e onde se encontrava a Pérsia há mais de 5.000 anos.
No Ocidente não foi diferente, as medicinas grega e romana aplicavam técnicas de massagem também, inclusive, Hipócrates, o “Pai da Medicina”, recomendava esfregar o corpo para ajudar. Asclepíades, também médico grego, teve uma grande participação no desenvolvimento da massagem. Ele pregava a hidroterapia, os exercícios e a técnica de fricção.
Galeno (129 – 199 d.C.) foi quem apresentou classificações mais detalhadas e descrições das técnicas em termos de qualidade (pressão e direção) e quantidade (frequência e tratamento), de forma escrita. Foram aproximadamente 16 livros escritos relacionados à massagem.
Como vemos muito em seus quadros e esculturas, os gregos valorizavam muito a saúde, forma física, beleza e potência atlética, dessa forma, a massagem era usada em seus atletas antes e depois dos esportes, esta técnica era denominada “apoterapia”, para eles o procedimento preparava a musculatura antes do evento e limpava os membros de matérias supérfluas e fluidos após uma atividade exaustiva.
Na Idade Média, a massagem desapareceu, nessa época, a Igreja pregava que a massagem tinha uma conotação sexual e a julgava pecaminosa. Seu retorno aconteceu no século XVI, através do cirurgião francês Ambroise Paré.
Após o retorno de sua prática, nos três séculos seguintes, a massoterapia se espalhou por outros países, através do sueco Per Henrik Ling, que enquadrou a massagem e os exercícios terapêuticos em um sistema chamado “Ginástica Médica”. Os seguidores de Ling propagaram a sua ideia pela Inglaterra, França, Áustria, Alemanha e Rússia.
Em 1900, nos Estados Unidos a prática de massagem iniciou com a influência dos escritos de um médico de Boston, Douglas Grahm. Então, outras novas técnicas foram surgindo no Ocidente.
Mennell e Cyriax, ingleses, utilizaram uma forma específica de massagem com fricção profunda para estruturas articulares profundas que se encontravam machucadas em condições agudas e crônicas.
Cornelius, um médico alemão, encontrou uma variável de massagem em zonas reflexas, aplicada com os polegares, através de uma pressão profunda em pontos específicos, o que foi chamada de massagem em pontos nervosos. Assim, surgiu o tratamento oriental de Acupressura ou Shiatsu, que foi descrito na literatura médica ocidental.
Hoje, encontramos diversos tipos de massagem

quarta-feira, 26 de abril de 2017


O ritmo das grandes cidades e as tarefas cotidianas levam as pessoas a descuidarem de sua saúde. O stress e as tensões emocionais somatizam-se em tensões musculares, que deterioram gradualmente o estado da coluna vertebral e prejudicam o trabalho do sistema nervoso, e consequentemente, de outros sistemas do corpo humano. A musculatura das costas é a principal responsável por manter a coluna na sua posição anatômica correta, e seu estado diz muito sobre a saúde de uma pessoa.
A massagem terapêutica é uma alternativa aos tratamentos convencionais recomendados para dores musculares e articulares, buscando tratar a causa da dor, recuperando o estado natural da musculatura e permitindo que o próprio corpo se recupere, evitando o uso contínuo de medicamentos para amenizar os sintomas.

segunda-feira, 24 de abril de 2017



"Você é único e especial. Sinta-se assim! Trace seu caminho com confiança e coragem. Invista na sua sabedoria, na sua saúde e no seu bem-estar. Busque a energia da espiritualidade interna e externalize em atos que transformam o Mundo. A vida é difícil, mas cabe somente a Você descomplicá-la." 

[Betty Cires]

domingo, 23 de abril de 2017

Massoterapia



Massoterapia é o tratamento da saúde utilizando diversas técnicas de massagem.  Trata-se de um recurso manual não invasivo que atua proporcionando melhoria na circulação sanguínea e linfática, melhorando o metabolismo, aliviando tensões e proporcionando bem estar físico e mental.
massagem relaxante pode ser realizada vez ou outra para combater o estresse.  A prática regular e contínua de qualquer forma de massagem pode fortalecer o corpo, além de ajudar a prevenir vários problemas que podem ocorrer devido ao excesso de tensão e a alguma fraqueza da nossa estrutura corporal.
Os benefícios da massoterapia vão além do relaxamento: seus efeitos benéficos têm grande influência sobre o organismo de âmbito mecânico, neural, fisiológico e químico, estando estes intimamente relacionados entre si e a fatores emocionais.
Os benefícios da massoterapia, comprovados cientificamente, são:

  • Diminuição ou completo alívio da dor;
  • Melhora do sono;
  • Redução do estresse;
  • Ajuda na cura de lesões;
  • Enxaquecas;
  • Depressão;
  • Ansiedade;
  • Prevenção e Tratamento de diversas patologias músculo-esqueléticas.

sábado, 22 de abril de 2017

8ito benefícios da massoterapia



Por massagem entende-se a compressão das partes musculares do corpo e das articulações para fins terapêuticos. O tratamento que é feito através de massagens, a massoterapia, é uma das formas mais eficazes de prevenir e tratar lesões, mas também de aliviar a tensão muscular, o stress, a ansiedade e ainda de promover um tremendo bem-estar associado à sensação de leveza e fluidez.

Mas os fins terapêuticos de uma massagem vão muito além desta sensação de bem-estar. Como conta a revista norte-americana Men’s Health, são oito os benefícios associados a esta terapêutica. Ei-los:
1 – Melhora trânsito intestinal. As massagens, quando aplicadas na zona abdominal, podem ter um efeito laxante e ajudar a combater a prisão de ventre, como concluiu um estudo publicado na revista International Journal of Nursing Studies. Além disso, atenuam eficazmente as dores associadas à incapacidade de defecar.
2 – Reforça o sistema imunitário. A massagem sueca é tão eficaz que consegue provocar mudanças no sistema imunitário, deixando-o mais resistente e capaz de combater agressões externas. Os benefícios desta terapia são ainda melhores quando o objetivo é lutar contra infeções sanguíneas.
3 – Alivia a dor nas costas. Aquela dorzinha mas constante que afeta as costas pode ser facilmente controlada e até banida com um tratamento à base de massagem, diz a revista, salientando que poucas sessões pode ser suficiente para aliviar a dor crónica e que tanto interfere com a qualidade de vida das pessoas.
4 – Melhora a qualidade de sono. Uma vez que promove a sensação de relaxamento, a massagem pode ser ainda uma aliada na luta contra as noites mal dormidas. Um estudo da Escola de Medicina da Universidade de Miami revela que bastam duas massagem semanais de 30 minutos cada para se começar a dormir que nem um bebé.
5 – Combate a dor muscular provocada pelos treinos. As massagens desportivas são as melhores amigas dos atletas, especialmente dos que praticam crossfit ou já se renderam às corridas de longa distância.
6 – Melhora o humor. Ora, como é possível ficar mal humorado quando se está relaxado e com uma sensação de leveza tal que mais parece que estamos nas nuvens? Não é possível, claro. Diz a revista que as massagens são ótimas para quem pretende melhorar o humor e o bem-estar geral.
7 – Reduz os sintomas de ansiedade. As pessoas que sofrem de ansiedade tendem a ser mais stressada e ‘fechadas’ (seja física ou mentalmente), por isso, uma boa massagem dos pés à cabeça é capaz de deixá-las mais calmas, confiantes e capazes de fazer frente aos sintomas de ansiedade que têm diariamente. Mais uma vez, a massagem sueca é a mais eficaz, como diz um estudo da Universidade Emory.
8 – Reduz a pressão sanguínea. Uma vez atua por compressão, tanto nas partes musculares do corpo e como nas articulações, a massagem é também uma boa forma de reduzir a pressão sanguínea, não só pelo lado mecânico desta terapêutica, mas, claro, pelo efeito relaxante que tem.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Os benefícios da massagem

video

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails