segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Massagem com vela



Deixe-se levar pela agradável sensação de uma massagem morna e hidratante. As velas para massagem  são compostas basicamente por manteiga de babaçu e óleos vegetais, que aquecidos derretem e ficam no estado líquido. Apague o pavio e desfrute de uma massagem morna, aromática e relaxante.


Modo de usar: acenda o pavio e espere a vela queimar e derreter até obter óleo suficiente para massagear a área desejada. Este tempo pode durar alguns minutos. Apague o pavio, derrame o óleo sobre a pele e inicie a massagem.

domingo, 28 de fevereiro de 2016

Peso nas costas



Porque temos a sensação de ter peso nas costas e nos ombros?

Acumulamos nesses locais as tensões que passamos no atribulado dia a dia, pressões no trabalho, problemas domésticos e familiares, trânsito complicado, contas a pagar, enfim… inúmeros problemas que temos para resolver a todo o momento. Essas tensões vão se somando e criando contraturas na região superior das costas, ocasionando a famosa sensação de peso nas costas e nos ombros.

A massagem pode ajudar a aliviar a sensação de peso nas costas

Ao tratar o local afetado com uma boa massagem terapêutica ou relaxante,  melhora-se a circulação e a distribuição do sangue, e o calor provocado pela fricção dilata os vasos. Portanto, o músculo fica mais bem nutrido e relaxado. Além disso, a massagem estimula receptores espalhados pelo corpo, que reagem à temperatura, à pressão e ao toque. Estes estímulos são enviados ao cérebro, que responde com um comando para que os músculos relaxem, aliviando a sensação de peso nas costas e ombros.

Como prevenir o peso nas costas

Exercícios de alongamento e sessões de massagens semanais ou quinzenais, podem corrigir situações como esta e até prevenir outros problemas, já que a coluna é diretamente responsável pela inervação do corpo todo.

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Massoterapia


Aplicada através de massagens, a Massoterapia pode ser utilizada numa parte específica do corpo, ou de forma contínua em todo o corpo.

Com centenas de anos de existência, o objetivo desta terapia é atingir a cura e o reencontrar do bem estar, através de pressões exercidas pelas mãos, com menor ou maior grau de intensidade, sobre o corpo.

A Massoterapia reflete uma abordagem holística do ser humano, ou seja, acredita que os diversos elementos mentais, espirituais, emocionais e físicos do ser humano formam um sistema, procurando encontrar causas de doenças e não acabar apenas com os sintomas.


No que consiste a Massoterapia?

A Massoterapia engloba diversos tipos de massagens, sejam orientais ou ocidentais. As técnicas mais usadas na Massoterapia são oshiatsu, a drenagem linfática, o “do-in”, a ayurvédrica, a reflexologia podal e a massagem de relaxamento, entre muitas outras.

Conforme o problema a ser eliminado, aplica-se o tipo de massagem mais correcta, adequada à personalidade da pessoa na qual a terapia vai ser exercida.


Como é uma sessão de Massoterapia?

Normalmente, numa sessão de Massoterapia, o terapeuta procura conhecer o modo de vida do cliente, aprofundando o grau de ansiedade a que está exposto, assim como a atividade profissional que exerce. O terapeuta procura perceber todos os sintomas apresentados por cada cliente, e os aspetos da sua história clinica mais relevantes.

Esta terapia engloba três tipos de recursos terapêuticos manuais: a manipulação baseada em movimentos rápidos, baseada em movimentos lentos e as massagens.


Vantagens da Massoterapia?

A Massoterapia da-nos uma sensação de relaxamento e bem estar, sendo utilizada no tratamento de algumas situações patológicas.

Em alguns casos, os resultados notam-se de imediato, mas dependendo da situação poderá ser mais adequado um tratamento prolongado. Esta terapia é muito útil em situações de ansiedade e stress. É tambem bastante eficaz no alívio de dores musculares; aumenta a resistência do organismo fortalecendo o sistema imunológico, melhora a circulação sanguinea e ajuda a eliminar resíduos metabólicos. Ajuda também a melhorar a elasticidade de pele, e a respiração.

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

COISAS QUE UM MASSAGISTA SABE SOBRE SI EM APENAS UMA HORA

massagem-costa

“Além de aliviar a tensão muscular e de ajudar a se recuperar de lesões, seu massagista descobre muito mais coisas sobre você e sobre a sua saúde em apenas uma sessão.

Na hora que passa deitado na maca, recebendo uma massagem, o seu corpo revela muito mais do que o stress muscular que pediu para aliviar.

O site Rodale’s Organic Life falou com alguns massoterapeutas sobre o que eles conseguem perceber sobre nós e sobre a nossa saúde durante uma sessão de massagem.
1. Adora bolsas grandes. Se o seu corpo está mais tenso de um dos lados, o terapeuta saberá que muda mais vezes de perna quando está de pé – o que acontece às mulheres que usam bolsas predominante num dos ombro Os sinais que o revelam são o fundo das costas fraco e/ou ter um lado do quadril maior do que o outro. As pessoas que passam o dia sentados em frente ao computador também tendem a ter os glúteos e a pernas mais tensos.
3. Dorme de barriga para baixo. Esta posição gera dor extra no pescoço e os massagistas conseguem sentir a tensão.
4. Dirige muito. Sentar-se ao volante provoca uma postura meio inclinada para a frente. Especialmente os ombros curvados para a frente.

5. Tem uma lesão. Se de fato tiver uma lesão, o terapeuta conseguirá sentir calor e inflamação na zona afectada. Já as lesões crónicas serão perceptíveis devido à formação de músculos desidratados que fazem nós. Com lesões repetitivas fazem com que os tendões e os músculos pareçam cordas ao toque.
6. Está com prisão de ventre. O terapeuta consegue sentir que está com prisão de ventre se o seu estômago estiver firme ao toque.
7. Troca muitas mensagens. Os ‘amantes crónicos’ do telefone e das mensagens de texto vão sentir dor quando o terapeuta lhes massajar os ombros. Isto porque quando está escrevendo no telefone, está com a cabeça para a frente e para baixo, causando um desequilíbrio nos ombros.
8. Bebe pouca água. Alguns pontos na parte superior das costas seriam suaves se tivesse bebido os oito copos de água recomendados por dia.


9. Está sempre com frio. É instintivo subir os ombros até às orelhas quando se sente com frio. Se costuma ter frio vai estar com o pescoço e o topo dos ombros tensos durante quase todo o inverno.
10. É corredor. O quadril e a parte inferior das costas estarão mais tensas, e provavelmente também terá alguma tensão na planta dos pés.
11. Está com alergias. Se está com alergias ao pó ou a pelo de animais de estimação terá a pele em volta dos olhos, da testa, das bochechas e do queixo macia e inflamada. O mesmo acontece com as glândulas linfáticas do peito, pescoço e axilas.
12. Usa mochila com frequência. As alças da mochila pesada atravessam as omoplatas e os músculos na escápula tornam-se rígidos em resposta à pressão.”

Fonte: http://www.noticiasaominuto.com.br/lifestyle

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

A CAPACIDADE DO TOQUE HUMANO




O toque tem um potencial, na saúde, que vai muito além do simples relaxamento. Só recentemente que começou a dedicar mais atenção a essa área. Já se sabe que um toque carinhoso básico acalma o estresse cardiovascular e ativa o nervo vago, diretamente ligado à resposta compassiva da pessoa. Tocar pacientes com a doença de Alzheimer lhes dá grandes benefícios em termos de relaxamento, redução da depressão e estabelecimento de conexões emocionais com outras pessoas. De acordo com Dra. Tiffany, a massagem terapêutica reduz o cortisol, hormônio ligado ao estresse, e aumenta a produção de dois neurotransmissores, a dopamina (que estimula a atividade do sistema nervoso central) e a serotonina (responsável, entre outras funções, pela liberação de diversos hormônios e associada ao estado de felicidade).


No Instituto de Pesquisas do Toque, Tiffany tem feito diversas experiências de massagem terapêutica em pacientes com os mais variados problemas de saúde. “Não há uma única condição que tenhamos observado – incluindo o câncer (ca) – que não tenha respondido positivamente à massagem”, afirma. Nos estudos ela constatou que a massagem terapêutica alivia problemas autoimunes (amplia a função pulmonar em casos de asma e reduz os níveis de glicose na diabete) e aumenta a função imune (por exemplo, eleva o número de células de defesa em pessoas com câncer). Ela descobriu ainda que crianças autistas (as quais, segundo se acreditava, detestam ser tocadas) adoram ser massageadas pelos pais ou por um terapeuta. O toque também ajuda a deixar as pessoas mais alertas e melhora seu desempenho. Um estudo da Universidade da Califórnia, Berkeley, publicado em 2010 na revista Emotion, avaliou se há uma relação entre as vitórias dos times da National Basketball Association (NBA, a liga norte-americana de basquete) e os toques entre jogadores.

Os pesquisadores descobriram que dois dos times de melhor rendimento – o Boston Celtics e o Los Angeles Lakers – eram os líderes em toques entre jogadores (foram considerados toques o bater de mãos espalmadas, os abraços e as peitadas). Já as duas equipes nas quais os jogadores menos se tocavam, o Sacramento Kings e o Charlotte Bobcats, tiveram desempenho medíocre.

A educação é outra área que pode se beneficiar do toque. Em um estudo do psicólogo francês Nicolas Gueguen, abordado em artigo publicado na revista Journal of Social Psychology, estudantes tocados no antebraço pelo professor evoluíram em termos de comportamento e produtividade, na comparação com os colegas não tocados. Gueguen verificou ainda que, quando os professores dão tapinhas amigáveis em alunos, estes ficam três vezes mais propensos a participar ativamente da aula.Para Dacher Keltner, as pesquisas confirmam que existe uma conexão com um nível físico básico que deve ser exercitada. A princípio, ela não tem contraindicações e sua crescente lista de vantagens é cada vez mais lastreada em dados científicos, sem subjetivismos psicológicos. Quando alguém afirma a Tiffany Field que a massagem que ela e sua equipe aplicam é bem-sucedida porque “faz a pessoa se sentir bem”, a médica não deixa por menos: “Ora! A massagem funciona porque muda toda a sua fisiologia. ”

“Não há uma única condição de saúde que tenhamos observado – incluindo o câncer – que não tenha respondido positivamente à massagem”, afirma a médica Tiffany Field, da Universidade de Miami.



Fonte.
Edição 466 - Julho/2011 –Revista Planeta.
Universidade de Miami - 2002
Journal of Social Psychology-2004

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Massagem californiana



As massagens californianas são bastante procuradas devido seus vários benéficos, pois um deles pode ser classificado como a alta freqüência de relaxamento que transmite ao corpo. Esta sensação de relaxamento é obtida através de movimentos suaves feitas pelas mãos dos próprios massagistas.
A aplicação da massagem californiana funciona exatamente igual ás outras, pois a mesma exige que o paciente dique deitado de barriga e cabeça para baixo em uma mesa própria para massagens. E para que o paciente fique tranqüilo em relação aos desconfortos que pode sentir o massagista fica responsável por fornecer uma simples massagem nas costas. 
Na verdade está massagem inicial nas costas é para que o paciente consiga relaxar ainda mais fazendo com que o massagista consiga atingir o ponto Maximo de relaxamento e respiração do paciente. E é exatamente quando a respiração começa a ser sentida que o massagista começa a desenvolver os movimentos mais pesados.
A massagem californiana serve para trabalhar todo o corpo humano, mas quando a massagista percebe alguma parte do corpo que está mais prejudicada, ela começara a focalizar grande parte do seu trabalho nesta área até fazer com que os nós se desfaçam. Os movimentos desta massagem além de funcionar como calmante também funciona como grandes sedativos.
Esta massagem é realizada somente com óleos naturais, para que os movimentos das mãos ao longo da massagem seja facilitado ainda mais podendo fornecer mais suavidade ao corpo ajudando assim no alcance do nível Maximo de relaxamento.
Benefícios gerados por esta massagem:
– Alivia o estresse;
– Relaxa o corpo totalmente;
– Melhora a saúde;
– Melhora a circulação.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Massagem tailandesa: saúde e religião



É só falar em massagem tailandesa que muita gente pensa logo em algo erótico. Mas não se engane: a despeito da confusão que causa no Ocidente e do uso que algumas casas voltadas para turistas podem fazer da tradicional técnica de terapia do país, a massagem tailandesa está muito mais associada à religião do que ao sexo. A thai massagem é praticada há cerca de 2.500 anos. Nela, mais do que relaxamento, há um alongamento do corpo.
O terapeuta usa cotovelos, joelhos e as palmas das mãos e dos pés. E para isso pode ter de ficar de pé sobre o paciente, que fica deitado em uma espécie de tatame. Os tailandeses acreditam que a massagem libera a energia e previne doenças. Para quem deseja uma versão mais leve, há modalidades com óleos para os pés e pernas e também massagens específicas para as costas.
Nas ilhas tailandesas ou nas cidades, as casas de massagens estão por toda parte. É possível fazer a massagem em spas de luxo, a 900 baths (cerca de R$ 100) por 1 hora e meia. Pode-se também pagar até um terço desse preço em templos budistas e casas mais simples - ou até mesmo em cadeiras expostas nas ruas, nasfeirinhas de artesanato. Depois de um dia na praia ou rodando pelo emocionante trânsito de Bangcoc, a bordo de um tradicional táxi tuk tuk, nada melhor do que se entregar a essa maravilhosa terapia
(Rita Soares/Diário do Pará)

domingo, 21 de fevereiro de 2016

6 CARACTERÍSTICAS DE UMA “BOA” PRÁTICA DE MASSAGEM TERAPÊUTICA

0067_20120612110422
“Se sempre gostou de receber massagens (de diferentes estilos e nomes, diferentes escolas de pensamento de várias regiões do mundo, a 2 mão a 4 mãos, etc..) estes 6 critérios ajudarão a decidir se de fato a pessoa que lhe está a fazer uma massagem sabe bem o que está a fazer ou está simplesmente a executar alguma rotina ensaiada de um qualquer livro ou curso que tenha tirado.
1. Toque confiante
O primeiro momento em que o seu terapeuta coloca as mãos no seu paciente irá dizer tudo sobre a comunicação inicial que se quer transmitir. Quando o toque não é confiante, nem mostra experiência, será algo do género, “ummm… deixa ver….talvez deva ir por aqui, não, talvez não, se calhar vou mais assim…”
Como paciente, deste modo é difícil relaxar e deixar a massagem fluir com naturalidade e confiar na pessoa que lhe está a massagear. Quando o toque é confiante será algo do gênero, ” estou aqui, sei o que estou a fazer, sei exatamente o que vou fazer consigo”.
Um toque confiante mostra ao paciente que se tem um plano de tratamento para o que o está a incomodar.
Todas as interações entre as mãos do terapeuta e a pessoa que está a ser massageada fazer sentido e tem um propósito, isto encoraja um maior relaxamento e a resolução do problema de uma forma mais eficaz.
2. Continuidade do toque
De todas as vezes que o terapeuta retira as mãos do paciente existe uma noção de separação e perda de continuidade e conexão na massagem. Obviamente que numa boa massagem existem momentos onde exista uma troca de mãos, aplicação de mais óleo, técnicas onde tenha que haver uma separação de alguns segundos, mas tudo terá um propósito dentro do contexto da massagem.
Quando esta desconexão ocorre demasiadas vezes e sem ritmo e lógica associada perde-se uma ligação profunda com o toque e que estraga uma potencial boa massagem.
Quando se está mais tempo fora do corpo do que em contato com ele nunca será um bom sinal de que está em contato com um bom terapeuta de boa formação. Mostra insegurança e falta de experiência e impede-nos de relaxar como receptor.
Um terapeuta de massagem com um toque contínuo e fluído consegue induzir um maior estado de relaxamento.
3. Movimentos completos na mesma área
Quando um terapeuta está a trabalhar numa mesma linha do corpo, geralmente é agradável quando essa linha é massageada até ao fim de uma forma contínua.
Existem algumas técnicas em que isso não acontece, de fato. Mas torna-se “estranho” quando uma área massageada é interrompida e salta para outra diferente.
Algo fica incompleto e para um paciente isso sente-se. Por exemplo, técnica clássica de massagear os músculos ao longo da coluna com as duas mãos em direção descendente, se este movimento for interrompido a meio algo não faz sentido, não sabe tão bem como o movimento completo até à base da coluna.
O ideal será ao iniciar uma área ir até ao final sem interrupções.
4. Entrar no músculo na velocidade certa e profundidade adequada
Alguns terapeutas tornam-se muito entusiastos e querem logo impor o seu estilo de massagem mais forte logo no inicio. Mas todos os pacientes têm o seu ritmo próprio de serem massagados e isso tem que ser compreendido.
Quando se tenta entrar muito rápido e com muita força o corpo cria uma barreira defensiva e torna-se mais tenso.
Quando um terapeuta “sente e escuta” bem o corpo do paciente tenta entrar e pressionar o corpo de uma maneira adequada e que faça sentido.
Quando torna-se difícil entrar no corpo fará mais sentido um terapeuta massagear outro lado e deixar aquela zona em paz e mais tarde voltar e ver como ficou depois e aí tentar outra vez nessa área. Uma boa massagem não precisa de ser dolorosa, nem tão pouco precisa de ser “festinhas”.
5. Sensibilidade e Diálogo
Uma boa massagem é percepcionada pelo terapeuta também. Para quebrar as expectativas pode-se perguntar se a massagem obedece ao que a pessoa estava à espera, se a intensidade é adequada e se a técnica está ajustada.
Deverá haver humildade para ajustar o que quer que seja (conforto, temperatura, técnica, intensidade, etc.) para ajudar a uma melhor experiência de massagem.
6. Presença Constante
Um terapeuta devoto irá sempre esquecer as suas prioridades e dedicar-se totalmente ao seu paciente. Estará de fora as suas necessidades. Raramente fará “fazer conversa de sala” ou falará sobre as últimas notícias de atualidade. Adaptará o estilo de massagem à pessoa que tem à frente e as suas necessidades.
A sua presença poderá se notar mais pelas suas habilidades com mãos do que pelas sua habilidades de entreter.
Um bom terapeuta também aceitará críticas e sugestões para tornar a massagem mais agradável.
No fim, todos gostamos de uma boa massagem, tenha espírito crítico e sempre que receber de alguém ou fazer uma massagem seja exigente e espere sempre a excelência.”

sábado, 20 de fevereiro de 2016



O corpo está constantemente a enviar-nos sinais, aos quais nós, por causa da vida stressante que temos, não damos a atenção devida. 

Começa com um pequeno sintoma (uma simples contratura) e continua com algo mais interno e profundo que se pode tornar num problema mais sério. Uma opção fácil e natural para solucionar estes incómodos é a massagem.

A massagem é, provavelmente, a ferramenta terapêutica mais antiga utilizada pelo homem para comunicar e proporcionar (ou proporcionar-se, através da automassagem) um recurso natural contra a dor. 

Não se trata, contudo, de um sistema completo de tratamento, mas sim de uma terapia complementar que ajuda a melhorar o estado geral de saúde do paciente, atuando como complemento às formas de tratamento convencionais.

A massagem é uma troca de energias entre dois corpos. Quando damos ou recebemos uma massagem, não só manipulamos músculos, pele e ossos, como também trabalhamos energias, tanto físicas como mentais. 

Esta energia é transmitida desde o corpo de quem dá a massagem até à pessoa que a recebe. Através de técnicas de deslizamento, fricção, batimento e amassamento, trabalhamos o sistema circulatório, linfático, nervoso e sutil ou energético, eliminando, desta forma, a fadiga, tanto mental como física, e damos resistência ao nosso corpo para enfrentar doenças e a falta de harmonia.

O efeito mais reconhecido da massagem é a descontração do corpo e da mente, mas, conforme a técnica utilizada e a velocidade e intensidade dos movimentos, também pode ser muito estimulante.

Quais os seus benefícios?
Os efeitos positivos da massagem são fisiológicos e psicológicos, e o seu efeito é praticamente imediato.

Fisicamente
  • Potencia a respiração
  • Favorece a drenagem linfática
  • Reduz a fadiga muscular e diminui o cansaço
  • Estimula o sistema nervoso de forma eficaz
  • Relaxa a beneficia o sono
  • Melhora a elasticidade da pele, a circulação sanguínea, o sistema imunológico e a tonificação muscular
  • Estimula e equilibra o sistema digestivo
  • Ajuda a combater a pressão arterial elevada.
Psicologicamente
  • Bem-estar imediato
  • Estimula os sentimentos positivos e mantém os negativos sob controlo
  • Aumenta a energia e estimula o intelecto
  • Relaxa o corpo e a mente
  • Melhora a imagem que uma pessoa tem de si mesma e, consequentemente, a autoestima.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

A IMPORTÂNCIA DA MASSAGEM


A massagem, uma das mais antigas formas de manipulação do corpo humano, tem sido empregada com êxito por muitas culturas como meio de promoção e restauração da saúde. Pode ser entendida como manipulação do corpo com propósitos terapêuticos. Por volta de 3000 a.C, foi utilizada como medida terapêutica científica pelos chineses. E o valor da massagem em nossa sociedade atual é tão importante como antigamente.
O emprego das mãos no tratamento é bastante eficiente, pois permite o conhecimento mais profundo das partes anatômicas do corpo do indivíduo, diferentemente dos aparelhos, possibilitando a identificação de algum tipo de anormalidade nas peças ósseas e tecidos moles do corpo.
Benefícios da Massagem Terapêutica!
*Ajuda na tonificação e recuperação dos seus músculos;
*Auxilia no equilíbrio dos órgãos internos e sistema nervoso;
*Aumenta a respiração celular e circulação sanguínea;
*Provoca uma ótima sensação de repouso e bem estar;
*Permite que o sangue e a linfa velhos saiam dos tecidos e voltem ao coração e aos pulmões com maior facilidade, conduzindo sangue novo e oxigenado para as células;
*Vários resíduos metabólicos são eliminados com a utilização da massagem, permitindo uma recuperação mais rápida e completa após exercícios físicos extenuantes.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Lúpus e Massagem – mais qualidade de vida



O que é lúpus?

lúpus apresenta-se como uma moléstia autoimune, já que o organismo ataca os tecidos do próprio corpo como se fosse algo estranho. Essa doença pode afetar a pele, articulações, rins, cérebro e outros órgãos.

Quais os sintomas do lúpus?

Os sintomas do lúpus variam de acordo com a pessoa e com as partes do corpo que forem afetadas pela doença. Os sintomas do lúpus mais comuns são:
  • Fadiga
  • Febre
  • Dor nas articulações
  • Rigidez muscular e inchaços
  • Rash cutâneo – vermelhidão na face em forma de “borboleta” sobre as bochechas e a ponta do nariz. Afeta cerca de metade das pessoas com lúpus. O rash piora com a luz do sol e também pode ser generalizado
  • Lesões na pele que surgem ou pioram quando expostas ao sol
  • Dificuldade para respirar
  • Dor no peito ao inspirar profundamente
  • Sensibilidade à luz do sol
  • Dor de cabeça,confusão mental e perda de memória
  • Linfonodos aumentados
  • Queda de cabelo
  • Feridas na boca
  • Desconforto geral, ansiedade, mal-estar
  • Cérebro e sistema nervoso: cefaleia, dormência, formigamento, convulsões, problemas de visão, alterações de personalidade
  • Trato digestivo: dor abdominal, náuseas e vômito
  • Coração: ritmo cardíaco anormal (arritmia)
  • Pulmão: tosse com sangue e dificuldade para respirar
  • Pele: coloração irregular da pele, dedos que mudam de cor com o frio (fenômeno de Raynaud).

Como a massagem pode ajudar o paciente que tem lúpus?

A massagem, assim como outras terapias alternativas, pode auxiliar aos portadores de lúpus, pois libera endorfina, que é um analgésico natural, produzido pelo próprio organismo, promovendo o alívio das dores musculares e das articulações.
A massagem também melhora o sistema circulatório, inclusive auxiliando os rins a liberar a retenção de líquidos, muitas vezes provocado pelo uso dos medicamentos. A manipulação dos tecidos durante a massagem pode ajudar o oxigênio e outros nutrientes que alimentam os tecidos do corpo, permitindo aos órgãos a trabalharem com mais eficácia.
O relaxamento físico e mental, proporcionado pela massagem também libera as tensões musculares, aliviando assim as dores e tensões causadas pela doença.
O toque da massagem pode ajudar a revigorar o corpo e assim ajudar a aliviar o stress da doença crônica, cusando alívios quase  imediatos no paciente.
A massagem terapêutica, é um tratamento natural que ajuda a dar ao paciente de lúpus o impulso que precisam para gerenciar sua condição de forma mais eficaz com mais saúde, alegria e qualidade de vida.
Para aqueles pacientes que têm a forma da doença chamada lúpus cutâneo, a massagem não é indicada, pois pode causar lesões na pele, já delicada desse tipo da doença.

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Efeitos fisiológicos da massagem


Apesar de ser tão antiga quanto o homem, a massagem só passou a ser desenvolvida como método terapêutico de cura e prevenção há 1800 AC pelos chineses.
Percebeu-se que a fricção aplicada diretamente sobre o tecido mole do corpo atuava diretamente sobre a circulação sanguínea, a função metabólica e gânglios linfáticos, melhorando a saúde e aliviando a dor muscular e o estresse.
Observe como se desencadeiam os efeitos fisiológicos da massagem sobre o corpo.
A pele melhora com as técnicas de massagem, porque favorecem a circulação sanguínea, elevam a quantidade de nutrientes distribuída para as células, e fazem com que se torne hidratada, elástica e jovem.
Quanto aos poros da pele ganham permeabilidade, ou seja, aumentam a capacidade seletiva, que impede a infiltração de determinadas substâncias.
Os diversos tipos de massagens também facilitam a descamação das células mortas, reduzem a hipersensibilidade e podem melhorar as cicatrizes.
A massagem atua sobre as veias superficiais, artérias e capilares linfáticos como o ato de comprimir um tubo plástico com a finalidade de movimentar o conteúdo interno.
Esta atividade direta e localizada faz com que o sangue se movimente com maior facilidade pelo corpo, promove a distribuição de nutrientes, elimina a inflamação, e aumentam alguns componentes sanguíneos como as hemácias.
A boa circulação atua no aumento do metabolismo, oxigenação do cérebro, e manutenção dos músculos.

Massagem e gânglios linfáticos
Os gânglios linfáticos atuam como filtros em nosso corpo. Eles impedem que ocorra uma invasão por micro-organismos aumentando a atração de linfócitos e macrófagos para impedir a passagem e disseminação.
Esta atividade costuma dar origem às ínguas, por isso, dizemos que o surgimento indica alguma inflamação. Mas para que os gânglios linfáticos funcionem perfeitamente é necessário que haja uma boa circulação sanguínea.
A massagem também atua sobre o sistema nervoso central. Ela promove um efeito sedativo através da pressão sobre os nervos sensitivos do corpo.
A massagem – além de proporcionar o relaxamento e sensação de bem estar, atua diretamente na fisiologia humana, que é o estudo sobre o funcionamento e equilíbrio do nosso corpo. É totalmente indicada, uma vez que quando se sente estressado, o organismo libera um hormônio chamado cortisol e, durante uma sessão de massagem, o cortisol sofre uma redução considerável.
Portanto, para uma vida mais feliz e saudável, receba massagem pelo menos 2 a 3 vezes por semana!
Dra Vândia Lea

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

MASSAGEM COM ALINHAMENTO DOS CHAKRAS

O alinhamento dos chakras significa limpeza, desobstrução
 e harmonização dos nossos centros energéticos do 
corpo humano que passam a funcionar como um todo. 
Em algumas sessões, e consoante os casos, são pedidos 
ao paciente, através de visualização, exercícios respiratórios, 
que interage de forma mais ativa no processo de cura.
Um tratamento relaxante e de harmonização em sintomas 
de depressão, insónia, desânimo, ansiedade, problemas 
da garganta, problemas de memória, entre outros.

Benefícios
São vários os benefícios:
  • Vitalidade;
  • Aumento da força de vontade;
  • Melhoria da circulação sanguínea;
  • Aumento da capacidade de concentração;
  • Fortalece o sistema nervoso;
  • Equilíbrio emocional;
  • Equilíbrio da tensão arterial;
  • …entre outros.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Massagem nos pontos energeticos


domingo, 14 de fevereiro de 2016

Benefícios emocionais e espirituais da massagem terapêutica






Os benefícios físicos da massagem terapêutica são amplamente conhecidos. Dentre eles, podemos incluir a musculatura relaxada, aumento do fluxosanguíneo e melhora da cicatrização. Entretanto, há outras vantagens que esse tipo de massagem oferece e a serem consideradas : benefícios para a mente, para as emoções e o espírito da pessoa que se submete ao tratamento.

Estresse

O estresse é uma condição emocional ou mental perturbadora e prejudicial que ocorre em resposta à influências adversas externas. E ele é capaz de afetar a saúde física. Portanto o estresse, que é responsável por muitos dos males modernos, começa na mente e nas emoções da pessoa que o está sentido. Essa é a chave para se entender os benefícios da massagem terapêutica no sentido emocional e espiritual.

Emoções

As suas emoções vem do seu estado mental. Por exemplo, se você está preocupado e tenso, isso afeta a sua mente e se traduz no seu corpo, criando uma pressão arterial elevada e tensão muscular. A massagem terapêutica usa esse processo no sentindo inverso, relaxando o seu corpo e atingindo o estado emocional e mental do paciente. Isso cria um ciclo e alivia tanto o corpo quanto a mente.

O toque

O toque, especialmente na América, não é uma coisa muito comum entre as pessoas. No entanto, por sermos seres humanos, o toque é muito importante para o nosso bem-estar emocional. Receber o toque humano, nos ajuda a nos sentirmos aliviados e nos proporciona conforto e apoio em tempos de aflição. A massagem terapêutica proporciona os benefícios do toque humano e ajuda a aliviar e a melhorar o seu estado emocional através do contato.

O espírito

O seu estado espiritual também é afetado pelo estresse que você sente. Se você alguma vez já tentou rezar ou meditar com os músculos doloridos ou com uma angústia emocional, já percebeu que isso pode fazer com que seja extremamente difícil de se concentrar. Relaxando o corpo e a mente, seu estado espiritual deve ver uma melhora. O corpo, a mente o espírito afetam uns aos outros e se o estresse é aliviado em um deles, ele pode aliviar o estresse também nos outros.

Confiança

Com toda uma medicina impessoal e invasiva, que é comum no mundo moderno, a massagem terapêutica oferece uma conexão pessoal. O cuidado que é traduzido através do toque físico, deixa os clientes saberem que o seu terapeuta está preocupada com eles, e isso é importante. Além dos benefícios regulares do contado humano, esse tipo de massagem constrói uma relação de cuidado entre o cliente e seu terapeuta. Essa relação ajuda a aliviar a preocupação emocional e a confiança que se constrói através da massagem terapêutica pode também ajudar no seu bem-estar emocional e espiritual.
Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails