segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Massagem Indiana


O órgão de contato das mãos é a pele. A pele é o órgão do sentido tato. O tato é o sentido que está ligado ao centro de consciência Anahata Chakra ou, centro cardíaco. É a morada da Alma. A pele vibra com o coração e, o sagrado elemento associado, é o Espírito do Ar – movimento e expansão. Se o receptor sente segurança em você, ele dá a permissão para liberar a dor (bloqueio) e, nesse espaço de possibilidades, acessamos a cura. A permissão é uma abertura, é um Espaço que se faz e a expressão do Amor é assimilada. O Amor cura! Todas as células registram esta energia. Portanto, ao encontrarmos um bloqueio de energia, temos a oportunidade de fazer o trabalho. O corpo como manifestação da vida, neste momento, poderá refazer-se em energia vital, refazer-se em Prana.
A massagem com esta abordagem sutil é potencializada pela meditação. Assim, a pessoa é movida para um estado profundo de relaxamento. Isso auxiliará na desintoxicação, no processo metabólico do corpo físico. Algumas desordens dos órgãos que estiverem prejudicando a harmonia geral serão sanadas com a massagem. Visualizando as cores, as formas, entoando os sons dos chakras (bija mantras) e, usando fragrâncias adequadas, você projetará no plano sutil, na aura do paciente, uma vibração específica que trará harmonia primordial. Ele experimentará a Paz! A teoria de Einstein diz que toda a matéria é energia e que tudo se transforma. Você transformará as vibrações da energia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails