quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Desacelerar ajuda a ampliar os sentidos



Outra terapia que pode seguir a desintoxicação com argilas é a limpeza e energização da pele. A esfoliação feita com sal, carvão e sais de banho limpa a pele das impurezas, tirando células mortas e melhorando as circulações sanguínea e energética.

 O preparo com as ervas e água morna para o banho de ofurô, que representa o aconchego no útero da mãe, proporciona bem-estar e relaxamento/ O escalda-pés com água morna e ervas é uma preparação para dar início à massagem terapêutica. A técnica tonifica, alivia tensões e dissipa o cansaço


"Nosso trabalho não é tratar doenças, é cuidar do indivíduo. É aliviar dor e sofrimento com o cuidado que hoje em dia está tão raro", esclarece a massoterapeuta Aldeíde Barreto.

Em seguida, inicia-se o banho de ofurô, uma imersão em água morna com manjericão e alfavaca, proporcionando bem-estar e relaxamento. "O ofurô simboliza o aconchego do útero materno. Isso é percebido até pela posição na qual a pessoa permanece em silêncio (uma posição semi-fetal), ouvindo música, tomando chá, olhando para o céu, já que o teto é aberto. E pode ser feito em qualquer horário, mesmo que esteja de noite", argumenta.


A técnica da massagem terapêutica começa com um escalda-pés feito com água morna, manjericão e alfavaca. Todo o corpo, inclusive o rosto, é massageado com manobras de rolamento, tamborilamento, percussão, dependendo da necessidade e da região.


Essa massagem é mais firme e trabalha a musculatura e as tensões musculares. Aldeíde explica que é uma forma natural e saudável de tonificar, aliviar tensões e o cansaço. "A massagem terapêutica é uma espécie de um ´seja bem-vindo´. A pessoa sai do útero (o banho de ofurô) e vai se sentir inteira", descreve.


Um novo nascer


As quatro terapias juntas nessa ordem formam a massagem do pajé. "Que não é feita por um pajé, mas que gera transformações positivas no indivíduo", garante.


A massoterapeuta ratifica que a técnica é a representação de um nascimento em que a pessoa sai do barro (argila) se limpando e depois purificando, para se encontrar no útero da mãe e renascer com uma recepção sensorial. "É uma maneira de ser cuidado por inteiro, unindo os elementos terra, fogo, água, ar e energia que, juntos, proporcionam uma sensação de acolhimento, renovação e integração no indivíduo", esclarece.


Demais terapias

Ainda há o reiki, a imposição de mãos nos pontos de luz dos chacras cujo objetivo é gerar o reequilíbrio energético. E também o shiatsu, uma acupuntura feita com os polegares, que, por meio da pressão direcionada no corpo, tem como função desbloquear seus pontos de tensão, estabelecendo o equilíbrio físico e energético.


Ainda há a massagem com pedras quentes. Sua função é restaurar o alinhamento de coluna e estimular os receptores cutâneos por meio da pressão que a pedra exerce sobre o corpo.


O método inicia com a distribuição das pedras aquecidas na coluna vertebral e em pontos específicos do corpo. Após cerca de 15 minutos, é realizada uma massagem com as pedras que vão sendo retiradas e umedecidas com óleo morno. "O calor e o frio exercem funções terapêuticas, além de gerar o alívio de dores e fadiga musculares", ressalta.

A pele


A hidratação natural da pele é um método que, como o nome já diz, ocorre da forma mais natural possível: uma massagem usando produtos in natura como mel de abelha, maracujá, cenoura, aveia e pepino principalmente. Ao final, um banho e a aplicação de um creme nutritivo com óleo perfumado. O resultado é a hidratação profunda, que resulta em brilho, maciez e tonicidade da pele.


Para Aldeíde, essas técnicas promovem a sensação de renovação na pele e, consequentemente, no indivíduo, o que extrapola o estético, tornando-as terapêuticas. "O maior órgão do corpo é merecedor de mais atenção e cuidados. É a parte que transforma sapos em príncipes e gatas borralheiras em cinderelas", brinca.


aromas e sabores


as ervas são muito utilizadas nas terapias de relaxamento e reequilíbrio energético porque desempenham efeitos terapêuticos e aromáticos:
manjericão possui aroma ideal para terapias de relaxamento;
Capim-santo é utilizado no momento do banho de ofurô, pois traz a sensação de acolhimento, além de ter aroma relaxante;
Alfavaca é ideal para ser misturado na água morna, pois auxilia no tratamento de problemas respiratórios;
Malva e corama são ervas que costumam ser trabalhadas juntas, pois potencializam os efeitos anti-inflamatórios;

Hortelã é usado na elaboração de chás. Proporciona a sensação de relaxamento;

cidreira é uma erva muito utilizada na elaboração das substâncias. Seu aroma agradável tem efeito calmante. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails