quinta-feira, 16 de junho de 2016

Massagem Anmá




Algumas pessoas sentem-se envergonhadas em se despir para receber uma massagem e muitas deixam de receber por este motivo. A Anmá se torna então uma ótima opção!

Como nasceu a Massagem Anmá?

Os orientais (responsáveis pelo surgimento da massagem terapêutica), aplicam a massoterapia com objetivo de equilibrar energeticamente uma região do corpo que está sofrendo por alguma lesão ou dor, é porque um ou mais meridianos (ou canais de energia) está em desarmonia. Utilizando os mesmos pontos da acupuntura, a massoterapeuta vai restabelecer equilíbrio energético do corpo.
A técnica de massagem Anmá teve origem na China, transmitida aos japoneses. Este nome deriva da palavra AN (apertar) e MA (esfregar), logo esta técnica de massagem utiliza movimentos de pressão e amassamentos que estimulam pontos energéticos aliviando a tensão muscular e facilitando a circulação do sangue e da energia (Ki ou Chi).
Anmá, tradicionalmente, era a base de toda a formação médica oriental. As técnicas de Anmá ajudam ao praticante desenvolver a sensibilidade das mãos, que é considerado fundamental para a correta aplicação de outras áreas da medicina. Tradicionalmente, a pessoa tinha que treinar a Anma por três anos antes de iniciar quaisquer outras áreas de formação, tais como a acupuntura, moxabustão, ventosas, etc que exige sete anos de treinamento.

Como funciona a Massagem Anmá?

Sem que haja necessidade de se despir. As manobras da massagem Anmá baseiam-se em movimentos de deslizamento, amassamento, rolamento, tapotamento, fricção e alongamento. Todas seguem um sentido específico (geralmente em direção ao coração, facilitando retorno do sistema venoso) e sua pressão pode variar de leve a moderada, e em alguns casos profunda ou muito profunda, de acordo com objetivo a ser alcançado.
Durante toda uma sessão da Anmá, que leva em média uma hora ou uma hora e dez minutos, a pessoa é instigada e respirar mais intensa e profundamente, estimulando os sistemas respiratório e circulatório, facilitando ainda mais bom andamento da massagem e bem estar do recebedor. Esse intenso trabalho respiratório pode dar um alívio considerável nos problemas pulmonares como a asma e a bronquite.
De acordo com os ensinamentos orientais, a massagem Anmá é recomendada como prática diária, assim como comer e dormir. Ela equilibra corpo e a mente, atuando nos níveis físico e psíquico. O hábito regular da massagem vitaliza o sistema circulatório, aumentando a circulação dos fluídos vitais e as trocas em nível celular, ajudando a remover toxinas, melhora a pele, músculos e nervos, oxigena as células, auxiliando corpo e mente a obter e manter equilíbrio e saúde.
Além disso, promove uma respiração mais profunda, atua no sistema linfático, sanguíneo e nervoso, estimula intestino sendo excelente para prisão de ventre é anti radicais livres, melhora apetite e ajuda sono profundo.

Curiosidades sobre a Massagem Anmá

Trinta crianças entre 7 e 18 anos com diagnóstico de déficit de atenção e hiperatividade foram aleatoriamente divididas em 2 grupos. Um grupo recebeu massagem e outro utilizou métodos convencionais de controle. O método de averiguação foi Conners Teacher Rating Scales de ansiedade e hiperatividade. O grupo que recebeu massagem melhorou seu comportamento em sala de aula e os resultados de todos os testes melhoraram em relação ao grupo controle.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails