quarta-feira, 9 de março de 2016

Existem diferentes estilos de massagens com efeitos distintos



O termo massagem poderia ser comparado a um "guarda-roupa" no qual encontramos vestimentas para diferentes ocasiões. Note que é a ocasião que determinará o estilo de roupa que usaremos. Não podemos usar a mesma roupa em todas as ocasiões. Assim é com a massagem. Existem diferentes estilos com efeitos distintos. 

O Massoterapeuta (Massagista Terapêutico) deveria conhecer o maior número possível destes estilos para diversificar seu "guarda-roupa" e, assim, estar melhor qualificado para abordar os diferentes problemas com os quais se vê confrontado diariamente. Antes de conhecermos alguns destes estilos convém saber sobre o que atua a massagem. 

A massagem pode atuar de maneira a proporcionar um Equilíbrio Energético. Neste prisma destacam-se, em especial, as massagens orientais como o Shiatsu, Do-In (auto-massagem), Massagem Ayurvédica entre outras. Os estilos ocidentais objetivam, na sua maioria, a atuação  Neurocirculatória ou seja: Efeitos sobre o  Sistema Nervoso e Circulação de Retorno, Venosa e Linfática (em 2º plano temos os efeitos sobre os demais tecidos). Alguns exemplos nesta concepção são a Massagem Sueca, a própria Massagem Neurocirculatória e a Drenagem Linfática. Ainda nesta ótica inserem-se as massagens chamadas Reflexas (preferimos chamá-las de Sensibilizações) e que são feitas em partes do corpo como pés (Podal), mãos (Quirodal) e orelhas (Auricular) buscando os mesmos efeitos, ou seja, atuar sobre órgãos do corpo  via  Sistema Nervoso Central (SNC).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails