quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Uma massagem “mal feita” pode prejudicar a sua saúde



Existem milhares de profissionais que se autodenominam massoterapeutas. Porém, a massagem, quando realizada sem conhecimento e preparo, pode provocar danos a sua saúde e agravamento de alguns quadros já existentes.
Você deixaria um açougueiro reparar o seu computador? Uma costureira cortar o seu cabelo? Provavelmente, não. Você contrataria um profissional devidamente qualificado.
O problema é que muitas pessoas não tem o mesmo cuidado na hora de contratar uma massoterapeuta e deixam qualquer “profissional” sem qualificação realizar manobras em seu corpo. Sabia que uma massagem inadequada, realizada por uma pessoa leiga, pode trazer grandes riscos para a sua integridade física?
Muitas vezes, a massagista realiza um curso rápido de massagem e já crê que possui habilidade suficiente para conduzir a atividade. Cobra o serviço por preços baratíssimos, mas desconhece noções básicas da anatomia do corpo e não sabe identificar as áreas a serem trabalhadas ou evitadas, diante de um quadro de saúde específico.
Muito cuidado com a técnica e intensidade
Para se ter ideia dos riscos de se submeter a uma massagem inadequada, o fisioterapeuta Marcel Sera, formado pela USP e pós-graduado em ortopedia esportiva pela UNIFESP, enfatiza que manobras realizadas “muito fortes” ou “muito rápidas”, inclusive, em regiões que já estejam doloridas por alguma complicação específica, agrava ainda mais a situação - porque pode haver aumento de circulação sanguínea na região.
Dessa forma, é importante tomar muito cuidado com a técnica e intensidade empregadas nas massagens.
Além disso, uma pessoa com problemas nas articulações, se submetidas a manobras de massagem de forma intensa, pode sofrer até mesmo com fraturas, como aponta Marcia Botino, coordenadora do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad, em entrevista blog do Ministério da Saúde.
A especialista também cita os riscos da realização de massagens em pessoas que estejam com bolhas, ferimentos e infecções na pele.
Para ela, uma massagem para aliviar uma dor, se aplicada a uma pele com infecções, por exemplo, pode trazer contaminações para outras partes do corpo, além de hematomas, já que o aumento de fluxo sanguíneo - por causa da massagem - facilita esse cenário.
Veja outros problemas que podem ocorrer durante uma sessão com uma profissional sem as necessárias qualificações:
Será que o seu profissional tem a qualificação e experiência necessárias para uma massagem segura?Os principais perigos para a sua saúde Veja outros problemas que podem ocorrer durante uma sessão com uma profissional sem as necessárias qualificações: 
Fraturas : pacientes que sofrem com osteoporose, dependendo da técnica de massagem empregada, estão suscetíveis a ter fraturas por causa da pressão durante as manobras. No caso, uma massagem leve pode ser feita, mas antes, consulte um profissional qualificado que vai avaliar o seu quadro específico

Agravamento de quadros de gripe: esse cenário é possível, justamente, porque massagens como as modeladoras, por exemplo, por ativarem a circulação sanguínea, podem aumentar a febre e evitar a cura.
  • Pressão arterial e trombose: segundo a American Massage Therapy Association (AMTA), pacientes com pressão arterial elevada se submetidos a massagens inadequadas têm seu quadro de saúde comprometido, no caso, a pressão exercida favorece coágulos no sangue trazendo malefícios ao organismo, como a trombose – que causa inchaço e dor. Pessoas nessa condição devem evitar massagens, a não ser que tenham autorização médica, após tratamento adequado.
  • Danos aos nervos: realizar massagens com quem não tem qualificação tende a trazer complicações ao nervo, se houver manobra inadequada e com muita pressão sobre alguma área que estiver fragilizada.
  • Câncer: pacientes com cancer de pele (com infecções e bolhas) podem ter saúde agravada, se submetidos a massagens. Assim como aqueles que passaram por cirurgia ou sessões de quimioterapia.


  • Dessa maneira, é essencial buscar por massagens que sejam feitas com profissional preparado para isso e com habilidade para avaliar se você pode fazer massagem, como destaca Marcela Bardella Axentios, nutricionista e massoterapeuta fundadora da clínica Nutrimassagem. "Antes de realizar uma massagem, tenho a preocupação em saber sobre o quadro de saúde do cliente e se ele está apto a se submeter às manobras, afirma. Se eu tenho uma dúvida, peço que ele consulte um médico para obter autorização. Considero uma medida prudente”. 


    Contudo, existem situações quando o próprio cliente não está ciente de sua própria saúde. Para lidar com esses casos, apenas a experiência e o conhecimento do profissional são fatores que permitem identificar quando a massagem pode prejudicar o quadro. Portanto, fica aqui uma dica preciosa e muito importante: nunca deixe de buscar por massagens com quem realmente entende do assunto, porque a sua saúde e bem-estar valem muito! Qualificação e experiência são fundamentais, porque uma técnica utilizada de forma errada pode trazer consequências danosas à saúde...


    http://nutrimassagem.com.br/conselhos/uma-massagem-mal-feita-pode-prejudicar-a-sua-saude/

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Ocorreu um erro neste gadget
    Related Posts with Thumbnails