terça-feira, 21 de setembro de 2010

Marmaterapia


A milenar massagem ayurvédica dos pontos marmas

O que são Marmas?
O ponto Marma é definido como o encontro anatômico de músculos, veias, artérias, tendões, ossos e articulações. Quando existe algum tipo de trauma em algum desses marmas, bloqueios de energia surgirão e o corpo físico poderá responder com dores ou outros tipos de desarmonias.

Em todo o corpo existem 107 marmas, que são divididos da seguinte forma: 11 marmas referentes aos músculos, 41 marmas veias e arteiras, 08 marmas referentes aos ossos, 27 marmas referentes aos tendões, 20 marmas nas áreas vulneráveis.

Um trauma como uma batida ou um corte em uma parte do corpo que exista um Marma, pode proporcionar, dores nos músculos ou uma anemia, por exemplo. A força da vida ou energia vital de acordo com a Ciência do Ayurveda depende do bom funcionamento dos pontos marmas.

Para harmonizar estes pontos propriamente o Ayurveda recomenda massagens com pressões proporcionais para que estes pontos vitais voltem funcionar normalmente. Os movimentos em cada ponto, que será definido através de um diagnostico Ayurveda, deverão ser realizados com perícia, por um terapeuta especialista neste tipo de terapia. Os Marmas quando trabalhados indevidamente podem proporcionar mal estar ou ate mesmo promover um total desequilíbrio no corpo físico.



Na Índia antiga os experts em Ayurveda usavam os pontos marmas para promover anestesia local e assim realizar uma cirurgia. Assim sendo, fica claro que estes pontos tem um neles um grande poder sobre a consciência.

Desta forma através da manipulação destes pontos podemos ativar e desativar memórias dolorosas que escondidas na mente inconsciente causam traumas e desarmonias emocionais, como síndrome do pânico, fobias, ansiedade, depressão, melancolia e baixa da auto-estima e stress em modo geral.

Dores musculares e articulares, muitas vezes estão ligadas ao bloqueio de algum Marma que em épocas remotas ou recentes, foi atingido e armazenado ali, uma estagnação de energia que impede que a mesma flua nutrindo estes tecidos tão requisitados pelos vários movimentos diários que o corpo físico necessita.

A obesidade, causada por um acumulo do dosha kapha, muitas vezes ligada a má digestão e acumulação de material não digerido, muito pode ser auxiliado no tratamento através da manipulação de pontos marmas proporcionando o reequilibro da digestão e eliminando a acumulação do lixo orgânico.

A fadiga é uma diminuição da força da vida, um desequilíbrio do dosha vata, que esta ligada ao chacra básico, pontos marmas localizados nos membros inferiores e na região abdominal, quando manipulados ajudam a reequilibrar a energia vital, aumentando a força da vida e tratando a fadiga crônica.

Constipação intestinal, um desequilíbrio muito comum na nossa sociedade, devido a hábitos alimentares errados e bloqueio dos srotas (sistema de canais do corpo), e muitas vezes causada por desarmonias emocionais, tem uma excelente respostas com a manipulação dos marmas.

Resumindo:
A terapia marma é um método de tratamento ayurvédico que trabalha pontos do corpo físico chamados marmas, ou pontos de pressão.

Os marmas variam de tamanho, indo dos muito pequenos até os muito grandes, de pontos nas mãos e nos pés até regiões como o coração, o umbigo e o ânus. Quando manipulados, podem alterar tanto as funções orgânicas quanto a condição estrutural do corpo. Por meio do uso correto dos marmas, toda a energia física e mental pode ser aumentada, diminuída ou redirecionada.

Os marmas são locais-chave para o trabalho com massagens e atividades com o corpo (como o yoga, por exemplo). A terapia das massagens ayurvédicas se concentra nas regiões marmas que precisam ser estimuladas ou aliviadas e usa métodos apropriados para ajustar os fluxos de energia.

Os marmas são tratados com pressão, calor, óleos para massagem, óleos essenciais, ervas, cristais e, e, alguns casos, com agulhas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails